“Todo” ambiente é “Meio” de cuidar!

Foto: Lu Fernandes

Já estamos cansados de saber que devemos cuidar do Meio Ambiente, mas será que estamos atentos aos nossos atos? Pois não é apenas o “meio” ambiente, e sim “todo” ambiente que devemos zelar.

Aprendemos na escola que devemos descartar de forma correta e seletiva o lixo. Aprendemos que devemos preservar as nascentes dos rios. Aprendemos que devemos economizar água. Crescemos reproduzindo estes ensinamentos super importantes, além de outras preocupações como as mudanças climáticas e tudo que envolve esta temática.

Mas, podemos dormir de consciência tranquila com nossos atos diariamente? Observo textos e discursos fantásticos em palestras e até mesmo nas redes sociais e isto me instiga a saber se realmente vivemos o que expomos.

Somos a geração que mais vai sofrer com as mudanças climáticas, porém, somos a única geração responsável pelas mudanças para um futuro melhor.

Estas mudanças faremos com discursos? Complexos artigos científicos? Ou a culpa é do poder público? Sim, eles têm sua devida importância, mas sinto falta de comunidades vivendo esta luta!

Vou contar um exemplo de uma ligação que recebi na Agência Municipal de Meio Ambiente. Uma Senhora gostaria de saber como pedir autorização para remover uma árvore em frente à sua residência. Prontamente perguntei o motivo, pois no verão aqui no semiárido o que mais desejamos é uma sombra. Para minha surpresa respondeu:

⁃ Todos os dias tenho que varrer a porta da minha casa pois está cheia de folhas.

⁃ As folhas estão amarelando e caindo?

⁃ Sim! E não aguento mais tanta sujeira.

⁃ Então faz assim, ao invés de sair com a vassoura, leva um balde com água no final da tarde que vai amenizar o problema.

Depois disso a Senhora desligou o telefone sem mais nenhum comentário.

São situações como esta que nos leva a refletir. Reclamamos do trânsito intenso, mas na maioria das vezes estamos sozinhos dentro do carro. Sabemos que devemos economizar água, mas nunca lavamos o carro com balde e temos a falsa ilusão de economia levando para um lava jato, onde a grande maioria, além do desperdício, tem o descarte da lavagem irregular, tendo a água com sabão e produtos químicos despejados na rua e galeria que vai para córregos e rios. Separamos o lixo nas nossas casas, mas para o entulho de reformas contratamos um carroceiro – que é mais barato – que simplesmente joga no terreno baldio mais próximo. Reclamamos do calor das nossas cidades, mas não plantamos uma árvore ou sequer molhamos a árvore mais próxima de casa. E, quando tudo está errado, continuamos a reclamar que o poder público não faz nada para solucionar todos os problemas que causamos!

Me incluo em varias dessas situações, porém luto diariamente, mas não contra o vizinho ou poder público, contra mim mesmo, refletindo o que fiz de errado para cada dia ser melhor e contribuir para a preservação e conservação de TODO ambiente.

Você também pode refletir sobre seus atos e ser uma pessoa melhor a cada dia. Pois, se tem uma coisa que ninguém pode fazer por você é sua parte!

Rumbora, cuidar do Meio Ambiente!

5 comentários em ““Todo” ambiente é “Meio” de cuidar!

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: