A casinha de Seu Berto

O trabalho de campo, além dos resultados técnicos, proporciona conhecer novos lugares, histórias e pessoas. No dia, 15 de fevereiro de 2019, começamos o levantamento da divisa terrestre entre Bahia e Pernambuco, com as equipes do IBGE e da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia.

O trabalho trata-se de visitar os limites atuais e registrar os pontos e as características do local para uma atualização do IBGE, com equipamentos mais modernos, e propor uma Projeto de Lei para regulamentar.

Passando pela estrada próximo à Tanque Novo, me chamou atenção uma casinha típica do Nordeste. Pequena, simples e ao mesmo tempo aconchegante por fazer lembrar da infância e o carinho dos mais velhos.

A casa está abandonada e no momento era visitada por bodes que pastavam no entorno. Resolvi tirar uma foto e congelar aquele sentimento. Ao ver uma casa abandonada sempre vem questionamentos, não é verdade? Sobretudo naquela situação longe da zona urbana. Me veio logo na cabeça que pudera ter sido abandonada por conta da seca.

Então as redes sociais fizeram jus a sua função de ligar histórias, postei a foto no meu Instagram. Com minutos na rede, recebi o comentário de uma seguidora: “A casa de vô!”

A velocidade da internet só não é maior que a curiosidade de saber mais. Beatriz me contou que a casa era dos seus bisavós e que o seu avô morou por muito tempo lá. O senhor Bartolomeu, mais conhecido como Seu Berto, de 89 anos, após problemas de saúde veio morar com a filha em Petrolina-PE, para um tratamento de saúde. Há muito tempo ninguém da família volta à casa. Beatriz ficou feliz em rever a casa mesmo que por uma foto. Me contou que Seu Berto está bem de saúde e irá fazer 90 anos em março, que está nos planos levá-lo até a casinha para ele matar a saudade de onde construiu uma família ao lado de Dona Manuela já falecida.

Fico muito feliz em conhecer uma história fantástica através de uma foto. Essa foto, com certeza, me faz pensar sobre a vida e as relações com as pessoas, mostrando que a simplicidade e o amor transformam uma casinha numa grande história!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: